sexta-feira, 25 de maio de 2012

De volta pra estante #55: Praticamente Inofensiva

– Olha, se tem uma coisa que a vida me ensinou – disse Tricia – é jamais voltar para buscar a bolsa.

 Praticamente Inofensiva Nome: Praticamente Inofensiva

Autor: Douglas Adams.

Editora: Sextante.

Comprar: SubmarinoSaraivaFNAC

   Vocês não têm ideia de como é difícil fazer a resenha de um livro que é uma Mistureba Generalizada de Todas as Coisas. Bom, sendo ficção científica, já dá pra esperar que não terão personagens convencionais, e tempo e espaço serão elementos relativos!

   Na época de seu lançamento, muitos críticos tomaram Praticamente Inofensiva como um livro independente da série O Guia do Mochileiro das Galáxias – isto porque há um vácuo de 13 anos entre ele e o até então último livro. É de se estranhar, de fato, o começo: conhecemos Tricia, que a princípio pensei estar com o nome errado – afinal, nos livros anteriores convivemos com Trillian, o ponto de equilíbrio entre Ford Prefect e Arthur Dent. Tricia é uma repórter ambiciosa, que vive com uma frustração: ter voltado para buscar sua bolsa em uma festa. Ela perdeu a chance de sua vida, mas pode estar prestes a retomá-la…

   Ford retorna para a sede do Guia, e descobre que ele mudou de dono; além disso, seu cargo passa a ser de crítico culinário. Já Arthur está perdido pelas galáxias, sem nenhum conhecido, em um planeta no qual porcos são um nível mais civilizados que os nossos, mas ainda assim selvagens. O cenário total é uma bagunça, comparado com o que conhecemos no primeiro volume. Eu nunca imaginei que Ford e Arthur, mesmo com todas implicações, fossem se separar um dia.

   Três vivas à uma nova personagem, que me fez cair pra trás quando apareceu tão randomicamente… E o final foi uma bomba! O que era aquilo?! Para mim, não houve melhor maneira para encerrar a aventura (apesar de superar todas expectativas. TODAS.).

   Recentemente, Eoin Colfer, autor de Artemis Fowl, escreveu E Tem Outra Coisa… . Não acho uma coisa muito legal de se fazer (imaginem quando J.K. Rowling morrer, algum autor badalado empolgar e escrever uma continuação de Harry Potter??). Pra mim, a série acabou aqui, com Douglas. Colfer pode ter escrito algo relacionado com a obra, mas no nível de spin-off.

   So long… and thanks for all the fish, Douglas Adams!

4 comentários:

  1. O livro parece ser super interessante. E amei seu blog, seguindo!

    Beijos, Jú

    antesdemudar.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Adorei conhecer seu blog! Vc escreve mto bem Miriam!

    Beijoos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Ana!
      Gosto muito do seu blog. (:

      Excluir
  3. Oi :3
    Nunca li nenhum dos livros dessa coleção. Meu amigo já leu e pra ele ter gostado, deve ser bom UAHUAHAUAH
    Fiquei curiosa com as coisas que vi sobre o Dia da Toalha, quem sabe um dia eu pegue os lindos livros pra ler :D
    Beijos!

    qualquerlink.blogspot.com

    ResponderExcluir

Agradeço o comentário!
Volte sempre! (:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Booker Queen! © 2012 | Layout por Chica Blogger| Modificado e hospedado por Miriam Pires| Ícones de redes sociais por Mariana Frioli.